Páginas

quarta-feira, 28 de maio de 2008

“Indescribable” - PASSION SP


Por: Fabiano Bispo

O que aconteceu em São Paulo neste último final de semana é algo que vai ficar pra sempre na minha memória.


Definitivamente, Deus usou a Passion para marcar a minha vida neste final de semana, desde os DVDs que sempre vi, livros que li, cultos que assisti, até a grande conferência no Brasil, na qual estive presente e posso dizer com toda certeza: Indescritível!

Cada momento foi especial, cada letra, cada acorde tocado pelos músicos. Cada palavra ministrada teve o seu valor, eram veradeiros canais para a voz de Deus atingir a minha vida.

Não tenho dúvidas de que o Deus que estava ali naquele evento é o mesmo presente em minha vida todos os dias. Mas também estou certo de que Deus nos reserva momentos especiais para se manifestar de formas especiais em nós. E a Passion, para a minha vida, foi um desses momentos reservados por Deus. Obrigado mesmo, Pai!


Fui impactado pelo Chris Tomlin, com suas letras que nos inspiram e nos fazem dizer as mais lindas expressões de amor a Deus. Fui inspirado e me diverti demais com David Crowder*Band, suas letras reflexivas e muitas vezes até complexas, nos fazem pensar à respeito da glória, grandeza e beleza divina. Me senti motivado ao ver o Louie Giglio, a sua paixão pelos jovens é gritante e me abençoa muito ver um homem se doar tanto pelo Reino de Deus. Nunca tinha ouvido o Francis Chan, mas também não quero mais deixar de ouví-lo. O cara é louco por Deus e pelas coisas de Deus, tem sonhos malucos com a presença de Deus e se mostra bastante interessado em ser íntimo do Pai! Admiro esse cara.

Em resumo, Deus falou muito comigo durante este fim de semana! Foram momentos de muita adoração, intercessão e diversão com toda aquela gente!


A Passion me mostra cada vez mais que não existe adoração sem ação, e que simplicidade e excelência podem sim, caminhar juntas!

E tudo isso, para a honra e glória do nosso Deus, único e digno de ser adorado!!!


Que a chama da nossa paixão por Deus jamais se apague,

Nenhum comentário:

Postar um comentário